Hoje, se vivo estivesse, Dr. Delorme Martins da Silva estaria completando o seu 100° aniversário. Uma vida dedicação, amor e trabalho por Ipirá, assim foi à trajetória do amigo de todas as horas e que não media esforços para atender a todos que o procuravam.

Doutor Delorme Martins em sua trajetória de vida foi um fiel seguidor de princípios como simplicidade, prudência e respeito que nortearam sua existência aqui neste mundo. Neste dia, o município de Ipirá relembra sua vida em homenagem aos seus mais de 60 anos dedicados à medicina. Nasceu a 21 de junho de 1918 no município de Baixa Grande.

Dr. Delorme foi criado em Macaúbas, onde recebeu os ensinamentos iniciais. Quando terminou a escola foi para Salvador cursar medicina seguindo a sina do pai e do avô, ambos médicos. Lá, foi um dos fundadores da União Nacional dos Estudantes (UNE). Dr. Delorme Martins formou-se como médico pela Faculdade de Medicina da Bahia. Ao concluir o Curso médico, iniciou sua vida profissional com seu pai, também médico e clínico de renome. Ainda no ano de 1946, Dr. Delorme fundou junto com o colega Elziro Macedo a primeira clinica da cidade, a Santa Helena. Sua intenção era a de unir atendimento e cirurgia em um local.

“Nossa ideia era de não precisar mandar tanta gente para os hospitais de Feira de Santana e Salvador”, explicou.

A clínica funciona até hoje, e estima-se que já tenha atendido mais de 100 mil pacientes e realizado mais de 15 mil partos. Devido o sucesso de sua clinica, onde atendia seus pacientes e quando necessário fazia atendimento médico a domicílio nos sítios da redondeza indo até mesmo ao lombo de animais como cavalo, Dr. Delorme Martins ingressou na vida política, sendo consagrado com o posto de Prefeito de Ipirá, em 1962 e ainda conseguiu três vitórias eleitorais ao apresentar a comunidade ipiraense o seu genro Dr. Roberto Cintra, eleito prefeito em 1982, e seu filho Dr. Luis Carlos Martins que ocupou o cargo de autoridade máxima municipal em duas oportunidades consecutivas, 1997 e 2004.

Delorme Martins mantinha sempre um desempenho seguro e equilibrado o que evidenciava sua integridade moral e ainda lhe dava respaldo para administrar e indicar futuros administradores para a cidade que ele amava. Em 1995, Delorme passou por um susto. Já com 77 anos, teve um enfarto e precisou viajar para colocar uma ponte de safena e fazer um longo tratamento. O retorno à cidade emocionou a população, que fez festa na praça e cortejo nas ruas para recebê-lo. O episódio não lhe impediu de continuar clinicando e realizando partos até 2008. No dia 4 de maio de 2011 a comunidade ipiraense e de toda região recebeu a triste notícia do falecimento do amigo e médico Dr. Delorme Martins aos 91 anos.

Ipirá tem muito a agradecer ao Dr. Delorme Martins, pois, diga-se de passagem, foi um lutador pelo desenvolvimento de nossa terra e “esteve sempre à frente do seu tempo” reconhecimento dado também por seus opositores políticos. Um dos homens mais íntegros que a história política da Bahia registra. Era médico dos melhores e carregava uma paixão sem medidas pela população ipiraense e de toda região. Dr. Delorme era uma prova de que é perfeitamente possível ser político sem perder a integridade moral.

Fonte: Familiares e amigos